segunda-feira, 10 de março de 2014

The Borrower Arrietty

The Secret World of Arrietty

Kari-gurashi no Arietti



Baseado no livro de Mary Nortan, esse é um dos filmes do Studio Ghibli que mais gostei.

Conta a história de uma garota de 14 anos diferente... ela é um ser pequeno, que só mede 10 centímetros; ela e sua família moram debaixo do assoalho de uma casa no subúrbio do Japão. Eles são catadores, pegam tudo que os humanos não sentiriam falta e tem uma regra principal: nunca devem ser vistos pelos humanos. Suas vidas se torna mais complicada quando um garoto vai morar na casa e Arrietty acaba sendo vista por ele, afinal, humanos são muito perigosos!

Acho que todo mundo já deve ter visto algum filme em que haviam pessoas pequenas. Arrietty segue a mesma linha de pensamento desses filmes americanos: São humanos pequenos que pegar as coisas para sobreviver e se mantem escondidos pois sabem que os humanos vão machucá-los se forem descobertos e assim por diante; mas, como todo filme de Studio Ghibli, acho que essa historia tem um encanto especial... Acho que é graças ao garoto, Sho,-kun, que descobre Arrietty; ele é calmo e sereno e tenta se tornar amigo dela.

A própria Arrietty é muito contagiante! Ela tem um espirito de aventura, sem perder aquele leve temor sobre o amanhã quando é descoberta por Sho; sem contar que ela é muito bonita, achei que ela tem uma transformação quando prende o cabelo, parece outra pessoa! A trilha sonora também é fantástica, tem um toque meio natural, com flauta e outros instrumentos "delicados"; combina perfeitamente com o cenário que é cheio e pequenos detalhes! Ênfase no quarto da Arrietty que é cheio de plantas de diferentes tamanhos, formas e cores!

Acabei marcando esse post em Mori Girl também pois acredito que a trilha sonora possa ser bem inspiradora, apesar de que o cenário esteja mais envolvido com um Naturai Kei... mas acho que vale a intensão!

Segue abaixo o vídeo da música tema para ficarem com vontade de ver o filme! Ela mistura inglês e japonês.





Espero que gostem do filme!
Cláudia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário