quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Mori Girl - Parte 1

Mori Girl - Um estilo

Fonte/source: Emmatyan deviantART




É a partir da moda japonesa "Mori Girl" que surgiu a vontade de fazer um blog e o próprio nome dele, por tanto, nada mais justo do que o primeiro post oficial ser dedicado a falar um pouco sobre esse estilo!


Mori quer dizer floresta, por tanto o conceito da moda é fácil de se entender: "Garota da Floresta" é a tradução do nome e é o alicerce de estética que ele segue.


"Wonder Rocket Team" - Loja de roupa Mori

Surgimento


A primeira vez que ouvi falar de mori foi quando o Tokyo Fashion postou uma foto no Facebook referente a um grupo de meninas usando esse estilo. Na época isso me chamou muita atenção pois eu pensei "Como em uma megacidade como Tokyo possuem pessoas que se vestem de forma tão... antiga? Elas parecem até camponesas de histórias!".

Até aonde pude achar, esse estilo "começou" com uma garota chamada "Choco", usuária do Mixi(orkut japonês) que começou a postar suas fotos lá; um dia um amigo comentou que ela parecia uma garota que vivia na floresta e então ela criou uma comunidade de "Mori Girl" por lá. Estas são informações que eu não tinha na época e que hoje me fazem muito sentido, pois o que aconteceu é que graças a uma comunidade online, um estilo que existia escondido passou a se destacar nas ruas!

Lembro de ter lido que o mori era um estilo relativamente recente que nasceu através de uma "necessidade"; algumas pessoas estavam sentindo que a vida estava muito agitada, que ela não tinha o mesmo significado que havia antes.

Estas pessoas começaram a retroceder no seu estilo tanto de roupas quando de vida, optando por viver mais lentamente, mesmo morando em uma megacidade; elas começaram a prezar mais pelos pequenos momentos da vida, pelas coisas feitas manualmente, pelo trabalho individual de cada um. Assim nasceu essa estética que anda se projetando cada vez mais nas ruas de Tokyo. Devagar e sempre, até se tornar uma moda de projeção mundial, assim como muitas outras já são.


Estética Básica


Quando você pensa numa garota da floresta, o que imagina? Lã, casacos por vezes de pele, camadas de roupa, botas, meias de lã, cabelos frisados pelo vento, protetores de orelha; essas são algumas das coisas que eu penso e de fato são algumas coisas usadas no mori. Quando falamos nesse estilo temos que lembrar que ele foi inspirado em um ideal onde se usa muitas camadas de roupa, assim mesmo as roupas de verão acabam tendo sobreposições para manter uma certa estética.




Assim é possível ver uma linha de pensamento no estilo: Floresta - Natureza - Sobreposições - Inverno - Cores naturais - Verão - Cores vibrastes; claro, esse é o meu modo de ver, mas basta procurar um pouco por ai para ver que existem várias formas de se usar o mori independente da época do ano. Só que, como qualquer moda, não é só a estética que conta; também existe um lifestyle que se desenvolve junto, que você pode adotar ou não.

Seguindo essa ideai de algo natural, é comum não se usar nenhuma maquiagem ou usar uma maquiagem natural ao ponto de você não parecer estar maquiada; assim como os cabelos também costumam ser mantidos naturais, sejam elas cacheados, lisos, frisados, armados, castanhos ou loiros. Também é difícil ver uma mori girl com as unhas pintadas, normalmente elas são mantidas naturais, de cor neutra, curtas e bem cuidadas; por causa disso os pequenos detalhes passam a ganhar maior importância, seja no penteado feito no cabelo, nos acessórios usados ou nos pequenos detalhes da roupa escolhida.



Espero que tenham gostado da primeira parte das explicações sobre Mori Girl! No próximo post vou falar mais sobre a estética, dando exemplos com imagens e links de inspiração!
Espero que tenham gostado!

Cláudia.

2 comentários:

  1. Gostei muito do post! É tão difícil achar informações precisas sobre mori girl. Queria tanto seguir o estilo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! Eu tive que dar uma boa pesquisada antes de postar porque eu sabia que com certeza eu acharia mais informações, já que conheci o Mori a mais de um ano.
      Tente aos poucos começar a usar. O bom do Mori é que não tem muito certo ou errado, é muito mais intuitivo e visa muito o seu próprio conforto; eu comecei a usar recentemente e o melhor dele é poder comprar roupas em brechós! Muito mais em conta do que Lolita xD

      Excluir